terça-feira, 9 de julho de 2013

Chaves e os 7 pecados capitais


Antes de mais nada, eu não posso afirmar se essa foi a intenção de Roberto Gomez Bolanos, mas definitivamente existe um sincronismo entre as qualidades negativas dos personagens do seriado Chaves (El Chavo del Ocho) e os 7 pecados capitais. Veja com seus próprios olhos.


Chaves - Gula
O Chaves vive com fome, sua vida gira em torno do sanduíche de presunto ou qualquer alimento que estiver ao alcance das suas mãos.


Dona Florinda - Ira
Vive irritada com tudo e com todos, especialmente com o seu Madruga.


Professor Girafales - Orgulho
Como ele mesmo dizia na série: "A única vez que cometi um erro foi quando pensei estar errado".


Quico - Luxuria
Acredito que nessa altura do campeonato a maioria das pessoas devem saber que luxuria não significa apenas sexo em excesso ou aprecio por surubas e afins. A luxuria é o excesso de paixão por qualquer coisa, ser um indivíduo hedonista epicuriano, que vive passionalmente todos os momentos da vida, atingindo um grau de exagero. O Quico definitivamente é um bom vivant, tem os melhores brinquedos, frequenta as melhores festas, onde só frequentam "pessoas descentes" e tem um coração que não cabe no seu corpo, sempre fica comovido com a possibilidade do Seu Madruga se mudar ou com a suposta morte do Seu Barriga.



Chiquinha - Inveja
O Quico até poderia ser inserido nesse pecado, mas definitivamente a Chiquinha exagera na dose em inúmeras ocasiões. Esconde os brinquedos do Quico que ele não quer emprestar e suas "maldades" são ocasionadas por uma inveja desenfreada das outras crianças.



Seu Madruga - Preguiça
Talvez o mais evidente de todos. O Seu Madruga não gosta de trabalhar e só acorda depois do meio-dia.



Seu Barriga - Avareza
Vive em torno de receber o dinheiro do aluguel que o Seu Madruga lhe deve a todo custo. O Seu Barriga nunca pensou na possibilidade de perdoar a dívida. No máximo uns 2 ou 3 meses. E além de tudo, reluta o quanto pode para não gastar seu dinheiro com uma reforma na vila.



quarta-feira, 24 de abril de 2013

Música para os ouvidos do seu vizinho


Achei justa essa inibição de bailes e aglomerações (de qualquer vertente musical) nas vias externas em SP. Entendo que toda essa quizumba incomoda e intimida muito os moradores da região onde ocorrem as festas.

Mas espero que essa inibição não aumente, pois já vi um post em uma rede social, exigindo o fim dos bailes funk em lugares fechados. Eventos que já são muito limitados.

Sendo assim, o próximo cretino(a) que sugerir a proibição do baile funk (ou de qualquer outro tipo de manifestação cultural) em local privado, merece a condecoração da burrice extrema.

Por mais que você não goste da música, vibrar com a repressão de um movimento artístico significa acabar com nosso direito de liberdade de expressão. Extirpar um estilo musical da nossa existência cotidiana é um erro colossal. Fortalece o autoritarismo e o controle sobre determinado grupo minoritário.

Imagine só se o governo resolve proibir os shows de heavy metal ou as festas de música eletrônica. E olha que esse não é um cenário muito utópico, pelo contrário, devem ser as futuras vítimas. Portanto, no lugar de querer acabar de vez com esses bailes, seria mais plausível exigir que organizem todas essas festas da maneira correta para que não atrapalhe ninguém.

E por mais que algumas pessoas não gostem do Miami Bass*, o governo proibir o baile em local privado seria uma atitude deprimente, digno de um regime totalitário. Agora, um cidadão comum exigindo do governo essa proibição total, é definitivamente vontade de ganhar o título de toupeira do ano.



Miami Bass* - Estilo que acabou virando o 'Funk Carioca'

sexta-feira, 1 de junho de 2012

EURO 2012 - GRUPO D

Última parte da série sobre a Euro 2012....

GRUPO D

O Grupo Azul e Amarelo

Ucrânia
- A Ucrânia é o outro co anfitrião da Euro 2012. Assim como muitas outras equipes, a seleção ucraniana, já não é mais a mesma de alguns anos atrás. Mesmo ainda contando com o ótimo Schevchenko , o fator idade já está pesando e muito para o jogador que com 35 anos de idade, já não consegue mais carregar sozinho o piano nas costas. Acredito, que o diferencial dessa equipe, assim como os poloneses, é o fator casa. O apoio da torcida será fundamental. Inclusive, os jogos da seleção ucraniana devem chamar bastante atenção do público e da mídia em geral, devido aos possíveis festivais de topless de grupos feministas da Ucrânia, que devem protestar bastante durante a competição.


Suécia
- Mais uma vez, repito, a geração atual está longe de apresentar o bom futebol da Copa de 1994 ou mesmo da última década. Mesmo ainda contando com Ibrahimovic, o time sueco, não deve apresentar muito perigo para seus adversários. A equipe sente falta de um grande líder em campo, assim como teve nos últimos anos com Henrik Larsson. A seleção sueca sentiu muito sua aposentadoria e ainda não conseguiu se renovar.


França
- A seleção francesa, assim como a italiana, passa por uma grande reformulação, e liderada pelo veloz Frank Ribery, o time até andou conseguindo bons resultados após a Copa de 2010. Mas ainda assim, acho que os franceses só se classificam para a próxima fase, graças ao baixo nível técnico dos seus adversários. Deve cair nas quartas de final.


Inglaterra
- Apesar do potencial de alguns jogadores a seleção inglesa definitivamente não consegue apresentar um futebol vistoso e continua jogando da mesma forma pragmática de sempre. Lançamento de bolas longas na área, chute de fora da área e péssimo preparo físico dos seus jogadores, que sempre se machucam nos momentos cruciais dessas copas. E vou além, dizendo que essa atual seleção já deve começar a sentir o peso da idade de alguns jogadores como Lampard e Gerrard. Assim como a França, a seleção inglesa deve se classficar graças ao baixo nível técnico de seus adversários....

PS: Frank Lampard, um dos principais jogadores da equipe, foi cortado da seleção inglesa, devido a uma contusão.

quinta-feira, 31 de maio de 2012

EURO 2012 - GRUPO C

GRUPO C

O grupo católico:


Itália
- A seleção italiana, responsável pelo grande vexame da Copa de 2010, está renovando seu elenco, mas ainda assim creio que a Azurra está longe de reviver seus dias de glória. Com Thiago Motta, Rossi e Balotelli, os italianos pretendem pelo menos preparar uma base consistente para a disputa da Copa das eliminatórias da Copa de 2014 e para não repetir o vexame das últimas eurocopas e também da última Copa do Mundo, onde não conseguiu bater nem a “poderosa” seleção da Nova Zelândia. Nessa Euro, o grupo não é dos mais fáceis, mas deve brigar pela segunda vaga do grupo com a seleção irlandesa.

PS: Curioso que aconteceu um novo escândalo de manipulação de resultados no futebol italiano. Toda vez que isso acontece a seleção italiana vence um título importante....


Espanha
- Atual campeã da Eurocopa e do Mundo, a seleção da Espanha vem sendo a grande sensação do futebol mundial, nos últimos anos, com a base do Barcelona (menos o Messi) os espanhóis vem apresentando um futebol vistoso, digno dos bons tempos da seleção brasileira. Mas como tudo que sobe, desce, creio que a Espanha, apesar de favorita do grupo, deve ter trabalho, no mata-mata, principalmente se encontrar a ascendente seleção alemã, que já não agüenta mais perder para os espanhóis. Afinal, os espanhóis derrotaram os alemães na final da Euro 2008 e na semi-final da Copa de 2010. O clima contra os espanhóis e de revanche e é o atual time a ser batido nessa Euro. Todo mundo vai dar o sangue contra esse esquadrão que conta com Iniesta, Xavi, Puyol, Xabi Alonso, David Silva, o goleiro Casillas, etc. É um time perigoso, mas a Europa toda está contra eles e também contam com um grande desfalque, o goleador David Villa, que está machucado.


Croácia
- Assim como outras equipes dessa Euro, o time croata não é mais aquele timaço de Davor Suker, Boban, Prosinecki, entre outros. Mas contam com alguns destaques, como o brasileiro naturalizado croata Eduardo e o atacante Olic. Geração croata com jogadores experientes que ainda não fizeram muita coisa no cenário europeu, mas que tem potencial para surpreender nessa Euro 2012, que pode até ser a última deles, devido a idade avançada. O time não terá vida fácil, afinal eles tem pela frente a poderosa seleção da Espanha, a tradicional Esquadra Azurra, além da promissora seleção da Irlanda.


Irlanda
- O time da Irlanda, que há muito tempo vem prometendo fazer barulho em Copas importantes, deve ser um dos destaques desse grupo. Injustamente eliminado nas Eliminatórias da Copa de 2010, graças a um gol de mão do francês Henry, no último minuto, a seleção irlandesa deve ir com tudo na Euro 2012, para mostrar ao mundo que não tem juiz ou confederações capazes de derrubar o bom futebol apresentado pela equipe. Time treinado pelo experiente Trapattoni, a seleção irlandesa deve contar mais do que nunca com os gols do experiente Robbie Keane. A Irlanda é um dos fortes candidatos a classificação nesse grupo. Se passar, deve dar muito trabalho no mata-mata, para a alegria dos fãs do Thin Lizzy e Phil Lynott.

quarta-feira, 30 de maio de 2012

EURO 2012 - GRUPO B

Continuando nossa série de posts sobre a Euro 2012...

GRUPO B

O grupo da Morte


Alemanha
- O time da Alemanha, sem sombra de dúvidas, é o mais forte da competição e possivelmente é a seleção mais forte e promissora do mundo na atualidade. Contando com o excelente futebol de Podolski, Muller e Ozil na parte ofensiva, com Schweinsteiger na organização do meio e com a segurança de uma ótima defesa e com um dos melhores goleiros do mundo, o Neuer, do Bayern Munich, a Alemanha vem com tudo para arrasar seus adversários e faturar essa Euro. Só uma grande zebra tira o título dos alemães. O time ainda conta com Mario Gomez, que é um bom atacante, mas costuma perder muitos gols. Tem o Miroslav Klose, no banco, mas com sua idade avançada, o polonês naturalizado alemão está longe dos seus dias de glória. Mesmo assim se Podolski e Muller estiverem inspirados, a Alemanha deve dar muito trabalho para as defesas adversárias.

PS: Apesar da derrota sofrida pela seleção alemã para a seleção da Suíça, neste último fim de semana, os alemães continuam como os grandes favoritos da Euro 2012. Afinal de contas, eles jogaram relativamente desfalcados dos principais jogadores da equipe e vale ressaltar que era apenas um amistoso. E não podemos esquecer que essa mesma seleção da Suíça derrotou a seleção da Espanha na estréia da última Copa do Mundo, e ainda assim os espanhóis faturaram o título mundial....


Holanda
- Apesar de ter sido finalista da última Copa do Mundo e, de fato apresentar um ótimo futebol, eu ainda custo acreditar que essa geração holandesa supera a poderosa Holanda de Van Basten e Gullit, ou mesmo aquele timaço de 1998, que tinha como base a equipe do Ajax. Mesmo assim, Van Persie, Robben e Kuyt devem dar muito trabalho para os seus adversários. Os eternos vices devem se classificar com a Alemanha para a próxima fase da Euro.


Portugal
- Com a estrela solitária de Cristiano Ronaldo (que fez uma temporada antológica pelo Real Madrid) a seleção portuguesa não deve dar muito trabalho para seus adversários. O agravante é que em fim de temporada, Cristiano Ronaldo, que já não é mais um garoto, possivelmente está baleado após a grande maratona de 2011/2012. Os portugueses vão brigar para não dar um grande vexame diante dos alemães e holandeses. Inclusive teremos uma revanche do jogo mais violento da Copa de 2006, Holanda VS Portugal. Será um duelo bem interessante.


Dinamarca
- A Dinamarca nunca entra como favorita nas competições, mas sempre acaba aprontando alguma coisa. Inclusive na Euro de 1992, no qual os dinamarqueses (entraram no lugar da Iugoslávia, que passava por uma turbulência política, por ter a melhor campanha entre os não classificados) acabaram vencendo o torneio e de certa forma chocando todo o mundo futebolístico. Isso sem contar a boa surpresa na Copa de 1986, no qual eles receberam o carinhoso apelido de “Dinamáquina”. Mas, creio que os tempos eram outros, e eles tinham grandes jogadores como os irmãos Laudrup e o grande goleiro Peter Schmeichel. Em termos de conjunto, a Dinamarca é uma boa equipe, mas creio que falta um jogador diferenciado e nessas horas, diante de 2 adversários poderosos, como os alemães e os holandeses, um grande jogador faz falta.

terça-feira, 29 de maio de 2012

EURO 2012 - GRUPO A

Em tempos de protestos, topless e crise da UE , vai começar um dos eventos futebolísticos mais importantes do ano. A Eurocopa 2012.

A edição desse ano vai ocorrer em dois países, Polônia e Ucrânia. Começando no dia 08 de Junho, na cidade de Varsóvia, na Polônia, com o jogo, Polônia vs Grécia e terminando, obviamente, com a grande final, em Kiev, na Ucrânia.

Acredito que será uma Euro muito interessante e já pode ser um prenúncio da Copa de 2016 na Rússia, onde eles poderão mostrar um pouco da nova face do Leste Europeu para o mundo.

Vou comentar um pouco sobre as 12 seleções envolvidas na competição e que foram divididas em 4 grupos. Os dois primeiros colocados de cada grupo avançam para o mata-mata, isto é as Quartas de final.

Nessa série de 4 posts, vou comentar um pouco sobre os participantes dessa Eurocopa...

GRUPO A

O Grupo Comunista

Polônia
- Os donos da casa, estão anos-luz de apresentar aquele ótimo futebol dos anos 70 e começo dos anos 80 com Boniek e Cia. Nos últimos anos, a Polônia entrou em competições internacionais como uma mera coadjuvante, sem importância. Nessa Euro, a seleção polonesa terá uma considerável importância por ser um dos anfitriões da Copa. Inclusive, a única coisa que deve ajudar a equipe é o apoio da torcida, porque em termos técnicos o time varia de regular para fraco. Portanto, não acredito que a Polônia deve ir muito longe, na competição. O atacante Lewandovski, do Borussia Dortmund, é o jogador de destaque da equipe.


Grécia
- A Grécia está passando por uma das piores crises da história do seu país...Com uma taxa homérica de desemprego e uma insatisfação política do tamanho do Cavalo de Tróia, a Grécia vive um impasse, com a expectativa de novas eleições para decidir o futuro do país. Com o povo cansado do constante alternância do poder entre PASOK e Nova Democracia, com suas políticas reacionárias e submissas, com relação ao Euro. O povo exige o boicote da dívida com a UE, e com isso duas novas forças políticas surgem para chutar de vez o traseiro da UE. No caso, o partido de extrema esquerda , SYRIZA (favoritos nas eleições) e a extrema direita da Aurora Dourada. Num clima bombástico como esse, o time da Grécia aparece muito mais com o coração nas chuteiras, do que com a técnica futebolística. A equipe, por um momento, quer esquecer todo esse caos político e surpreender mais uma vez todo o mundo com seu futebol de pouca técnica, porém muito aguerrido, levando alegria e esperança para o povo grego. Será que teremos uma nova zebra como em 2004, quando a Grécia faturou a Euro 2004, em Portugal???


Rep. Tcheca
- O time tcheco está longe de ser aquela equipe do fim dos anos 90, que contava com Poborsky e Nedved, inclusive creio que ultimamente seus co-irmãos eslovacos, estão praticando um futebol mais interessante (apesar de não terem se classificado nessa Euro, até porque caiu em um grupo complicado nas eliminatórias). Mas, em todo caso a Rep. Tcheca, é uma das equipes mais tradicionais da Europa e pode acabar surpreendendo muita gente. Deve disputar a segunda vaga, com unhas e dentes, com a Grécia. Querendo inclusive vingar a derrota que sofreu para os gregos em 2004. Destaque para o goleiro Petr Cech.


Rússia
- Na minha humilde opinião, o time russo é o mais forte desse grupo. Contando com o bom futebol de Arshavin, Pavlyuchenko, Zhirkov e Cia. O time russo vem com tudo nessa Euro 2012. A equipe tem tudo para, mais uma vez, apresentar um bom futebol , assim como ocorreu na última Euro. E contam com duas vantagens, o time é mais experiente e estão praticamente jogando em casa. Já que a Ucrânia, durante muito tempo foi território russo, assim como algumas regiões da Polônia. Tenho certeza que o grande favorecido do fator casa será a equipe da Rússia. Devem ser os primeiros colocados do grupo e seus adversários vão ter que suar a camisa para eliminar os russos.

sábado, 28 de abril de 2012

Anthrax & Misfits - HSBC Arena - 27/04/2012

Ontem, sexta feira, dia 27/04/12, véspera de feriado, rolou em São Paulo os shows do Anthrax e do Misfits no HSBC Arena, em SP. Com abertura do Torture Squad. Obviamente que eu não perderia esse evento por nada desse mundo, portanto adquiri meus ingressos para a pista, normalmente. No ingresso o horário de início do show estava marcado para as 22:00 hs....até aí, tudo bem. O problema começa pelo fato que choveu horrores em SP e em véspera de feriado, todo paulistano sabe que isso é sinônimo de dor de cabeça, ainda mais pelo fato que ontem foi um dia de trabalho normal. Mas acredito que os organizadores e produtores desse show não tem a mínima noção disso e resolveram ANTECIPAR o início dos shows, que provavelmentee começou antes das 21 hs...resumindo, perdi o Torture Squad (o que eu já esperava, já que dificilmente eu conseguiria chegar a tempo, eu trabalho e moro longe do HSBC, sem contar o trânsito, etc etc....) MAS também PERDI o show do Misfits....isto é, os "jênios" dos organizadores resolveram antecipar o show em uma sexta feira de chuva e véspera de feriado.....acredito que tanto eu como várias pessoas perderam os primeiros shows. Algumas pessoas estavam bem indignadas. Total falta de compromisso dos organizadores. Seria bom se alguém desse explicações né?! Afinal o preço do ingresso não é nada barato. Enfim, infelizmente aqui nesse país em meio a tanta bosta por parte desses produtores que não conseguem entrar em um acordo com as bandas, quem acaba perdendo são sempre os fiéis fãs que gastam todas as suas fortunas para ver suas bandas favoritas e alguns desembolsam mais grana ainda, comprando seus discos, camisetas, etc....Em tempo, vale ressaltar que consegui assistir o Anthrax e foi bem legal....mas fica aqui minha revolta. Quem puder compartilhe, afinal isso deve chegar nas mãos dos organizadores, que no mínimo devem uma boa explicação para tal falta de respeito.....